Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




por Otília Martel, em 03.06.05

Primeiro Rosto

 O Teu Rosto!..
 
 Ao desenhar o teu rosto a carvão lápis
 ou pincel, desejo que nunca termine
 desenhar no olhar do teu rosto, sorrio
 sentir-te nos meus dedos, te ilumina!
 
 Saborear a tua imagem reflectida,
 nas tuas formas para nunca as apagar...
 Saíram da minha memória próxima, distante...
 Até terminar e guardar, toda a tua beleza
 
 Desenho, e desejo todo o teu corpo inteiro
 nesta folha de papel partilhado,
 gravo na memória as tuas formas ocultas
 por este lápis desenho toda a tua beleza,
 apenas vejo o teu rosto nos meus sonhos
 
 (By Friedrich)

Autoria e outros dados (tags, etc)


Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor