Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




por Menina Marota, em 30.07.05

Ah, o Amor...


Imagem daqui


Hoje, como de resto, já aconteceu em muitos dias da minha vida, pergunto-me:
O que é o amor?
Porque temos nós, afinal, esta necessidade de amar?
Porque sentimos, todos nós, esta ânsia, este bater de coração, tão forte, tão forte, que por vezes chega a doer?
Para que queremos nós afinal, amar outra pessoa, quando racionalmente, já sabemos que esse amor, um dia, nos poderá trazer dor, amargura, ciúmes, despeito, insegurança, solidão?
Todos nós concordamos, que amar é bom... mas, por vezes, muito mau…
Será assim?
Conheço alguém que uma vez me disse, que só se zanga, com as pessoas de quem gosta e ama... Será isto amor?

A minha visão de amor (ilusória, talvez), é bem-estar, ternura, segurança, satisfação, é dar (mais até, que receber)!
É sentirmo-nos bem na presença de quem gostamos, ouvir a sua voz, sentir o toque de suas mãos, o seu abraço, o seu olhar...
Porque se transforma este sentimento, que ao princípio parecia não ter fim?
Porque será que o sol deixa de brilhar, o céu fica cinzento, a chuva bate na janela?
O amor é assim... como o tempo?!
Nas suas mil transformações ele, ou se torna forte e resiste a tudo, ou enfraquece e, acaba por desaparecer…
Mas será que desaparece?
Esquecerá alguém, uma pessoa que já amou intensamente?
Neste instante, surge-me na memória, as palavras de alguém, por quem tenho uma velada admiração, que me disse certa vez, algo que na altura quase me escandalizou:
"Sou um amador de mulheres"
E explicou o seu ponto de vista: ama todas as mulheres. Desde a mãe, a irmã, as namoradas e por aí fora, mas… nenhuma da mesma maneira!
E as "mulheres dele", guarda-as a todas no coração: recorda-as no seu melhor e no seu pior...
Será isto amor?
Aquele sentimento mágico, único, mas que dói, que fere, mas que também nos dá tanta alegria, satisfação, paz interior, nos faz ver o mundo nas cores do arco-íris?
Será que o amor, afinal, é uma eterna magia, uma eterna ilusão?
Shakespeare disse: "Quando fala o amor, a voz de todos os deuses deixa o céu embriagado de harmonia". Será isto verdadeiramente correcto?
Mas então, porque ao longo dos tempos, poetas, escritores, filósofos e, mais recentemente psicólogos, tentam encontrar uma justificação para o amor e suas "penas"?
Ninguém o consegue explicar verdadeiramente, porque afinal, todos já sofremos por amor.
Ah, o Amor...
Será que alguém me diz o que ele é verdadeiramente?...

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:


por Menina Marota, em 22.07.05

Uma parte de mim...


Imagem daqui



Uma parte de mim
é todo mundo:
outra parte é ninguém:
fundo sem fundo.

Uma parte de mim
é multidão:
outra parte estranheza
e solidão.

Uma parte de mim
pesa, pondera:
outra parte
delira.

Uma parte de mim
almoça e janta:
outra parte
se espanta.

Uma parte de mim
é permanente:
outra parte
se sabe de repente.

Uma parte de mim
é só vertigem:
outra parte,
linguagem.

Traduzir uma parte
na outra parte
- que é uma questão
de vida ou morte -
será arte?


(Traduzir-se: Poema de Ferreira Gullar)

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


por Menina Marota, em 13.07.05

Há palavras que nos beijam...



Há palavras que nos beijam
Como se tivessem boca.
Palavras de amor, de esperança,
De imenso amor, de esperança louca.

Palavras nuas que beijas
Quando a noite perde o rosto;
Palavras que se recusam
Aos muros do teu desgosto.

De repente coloridas
Entre palavras sem cor,
Esperadas inesperadas
Como a poesia ou o amor.

(O nome de quem se ama
Letra a letra revelado
No mármore distraído
No papel abandonado)

Palavras que nos transportam
Aonde a noite é mais forte,
Ao silêncio dos amantes
Abraçados contra a morte.

 

 

Poema de Alexandre O'Neill  

Autoria e outros dados (tags, etc)


por Menina Marota, em 06.07.05

Crespúsculo

solitaria.jpg

 

 

Apetece-me a calma deste momento.

Não me apetece aumentar o volume das minhas palavras, por querer silêncio.
Porque me perturbam palavras que afectam o meu sentir,
porque mais que as espadas das palavras,
os sentimentos reflectem a alma das pessoas...

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor